Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O meu cancro



Domingo, 25.12.16

“MULHERES COMO NÓS” LANÇA CALENDÁRIO SOLIDÁRIO

211220161004-226-mulharescomons.jpg

O Calendário Solidário de 2017 “Mulheres como Nós” foi apresentado publicamente, no Cineteatro Camacho Costa, em Odemira.

Trata-se de um projecto que tem como principal objectivo angariar fundos para a Associação Missão Coragem e, desta forma, ajudar Mulheres com cancro da mama.
“Mulheres como Nós” surge da vontade e do desejo de um grupo de Mulheres em ajudar a Associação Missão Coragem, tendo todas elas histórias de coragem, força e superação, e que quiseram dar o seu contributo ajudando outras Mulheres na luta contra o cancro da mama que, apesar de terem passado, ou ainda estarem a passar, por um processo de tratamento doloroso, não deixaram de ser Mulheres como todas as outras.
O projecto “Mulheres como Nós” é composto, nesta primeira fase, pela apresentação de um calendário para 2017 e numa segunda fase pela realização de uma exposição.
A Missão Coragem é uma associação sem fins lucrativos, com sede em Santiago do Cacém, constituída em 2008, que tem por objectivo ajudar todas as mulheres do Litoral Alentejano com cancro da mama.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Zé LG às 22:38

Quinta-feira, 22.12.16

"MEDICAMENTOS PARA DOR ONCOLÓGICA PASSAM A TER 90% DE COMPARTICIPAÇÃO"

Os medicamentos para o tratamento da dor oncológica, moderada a forte, vão passar a ter 90% de comparticipação, graças a um regime excecional de comparticipação, publicado hoje em Diário da República.

De acordo com a portaria, é criado um regime excecional de comparticipação nos medicamentos destinados ao tratamento da dor oncológica moderada a forte, que, até agora, estavam incluídos no escalão C do regime geral de ambulatório e tinham uma comparticipação de 37%.

Em causa estão analgésicos estupefacientes, nomeadamente os medicamentos opioides, como Buprenorfina, Fentanilo, Hidromorfa, Tapentadol, Morfina, Oxicodona e Oxicodona+Naxolona, quando receitados para o tratamento da dor oncológica moderada a forte.

No documento está também estabelecido que para o doente ter acesso a esta comparticipação, o médico que prescreve tem de mencionar expressamente a portaria na receita.

A portaria entra em vigor no início de janeiro.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por Zé LG às 23:17


Mais sobre mim

foto do autor


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Dezembro 2016

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031


Links

Informativos

Informativos