Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu cancro

O meu cancro

Sinto-me bem

Algumas pessoas, directamente ou através de pessoas conhecidas, têm perguntado como estou e como me sinto. O que posso responder é que julgo que estou bem, porque me sinto bem.

Mantêm-se alguns dos efeitos da quimioterapia: mãos dormentes, com alguma falta de tacto e impressão nas unhas e, também, a reacção desagradável ao frio. De resto, acho que não sinto mais nada de estranho.

Aproveito a oportunidade, para agradecer a todos os que têm manifestado interesse em acompanhar o meu estado de saúde, perante a doença que me atingiu. Obrigado a todos!

2 comentários

Comentar post