Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

O meu cancro

O meu cancro

MAIS UMA BOA NOTÍCIA

Esta semana fui a mais uma consulta de acompanhamento. Os resultados dos vários exames que entretanto fiz - os normais indicados pelo protocolo (não sei se é assim que se diz) e outos feitos em resultado de queixas que apresentei na anterior consulta -, foram todos satisfatórios, o que levou a Médica a informar-me que a próxima consulta será a última com periodicidade de seis meses, passando as seguintes a serem anuais. 

Não tendo ficado surpreendido, porque como já aqui tenho escrito, sempre senti que o meu cancro se foi com os 25 cm de intestino que me foram cortados, esta informação médica, quatro ano depois da intervenção cirúrgica, deixou-me mais descansado. 

Desejo a todos os que estejam a passar por situação semelhante, de luta contra o cancro, que tenham o mesmo sucesso que eu tive.

NOVO TESTE SANGUÍNEO CONSEGUE IDENTIFICAR LOCALIZAÇÃO EXATA DO CANCRO

Um novo teste sanguíneo capaz de apontar o local do corpo onde cresce um cancro, permitindo combatê-lo de forma precoce, é o resultado de um estudo de cientistas da Universidade de San Diego, nos Estados Unidos.

Os cientistas responsáveis pelo estudo procurarão agora levar as suas conclusões para o plano clínico, trabalhando com oncologistas para apurar e refinar este método.

Segundo a Sociedade Portuguesa de Oncologia, o cancro é a principal causa de morte em Portugal para quem tem menos de 65 anos. Quase um terço (31,7%) dos portugueses que morrem antes dos 65 anos são vítimas de um tumor - a percentagem mais elevada entre todas as causas de morte.