Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

O meu cancro

O meu cancro

SOBRINHO SIMÕES ALERTA PARA SOBREDIAGNÓSTICO DE CANCROS MUITO PEQUENOS

1102078.jpg

O patologista Sobrinho Simões alertou hoje que se diagnosticam demasiados cancros que se deviam "deixar sossegados", colocando os doentes num ciclo de tratamentos sem benefícios reais, ressalvando que continua a ser essencial o rastreio precoce.
Falando à agência Lusa à margem de uma palestra promovida pelo International Club de Portugal, Manuel Sobrinho Simões afirmou que "a maluqueira quer de doentes quer de alguns médicos é que está a dar mau resultado", sobretudo nos cancros da tiróide, mama e próstata, "de longe os que têm mais sobrediagnóstico".
"Estamos a fazer diagnósticos de cancros muito pequeninos, que não iam dar chatices" porque não conseguiriam desenvolver-se no tempo de vida restante das pessoas, a maior parte delas idosas, salientou. 
Colocando-as no ciclo de tratamentos como a radiologia, os médicos estão, nesses casos, a "desgraçar os doentes", considerou, defendendo que cabe aos médicos serem razoáveis quando as pessoas os procuram para ir numa "caça ao cancro".
Ler todo o artigo AQUI.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.